quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Gonçalo Sobral Martins: O abraço que nunca deixei de [te] querer

Gonçalo Sobral Martins: O abraço que nunca deixei de [te] querer: [Declamação do poema por Gonçalo SM] Outrora, apeteceu-me um abraço teu. Daqueles abraços de urso, que despertam a magia de u...

Gonçalo Sobral Martins: O abraço que nunca deixei de [te] querer

Gonçalo Sobral Martins: O abraço que nunca deixei de [te] querer: [Declamação do poema por Gonçalo SM] Outrora, apeteceu-me um abraço teu. Daqueles abraços de urso, que despertam a magia de u...

Gonçalo Sobral Martins: O abraço que nunca deixei de [te] querer

Gonçalo Sobral Martins: O abraço que nunca deixei de [te] querer: [Declamação do poema por Gonçalo SM] Outrora, apeteceu-me um abraço teu. Daqueles abraços de urso, que despertam a magia de u...

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Gonçalo Sobral Martins: Esse rio que era mar, nessa aldeia perto do céu

Gonçalo Sobral Martins: Esse rio que era mar, nessa aldeia perto do céu: Naquele rio que vai ter ao mar; naquele rio que é muito mais mar do que rio, tu sorrias. Ao redor desse rio onde, sorrindo, te vi sorr...

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Gonçalo Sobral Martins: Natal: compramos o que gostamos ou o que nos deixa...

Gonçalo Sobral Martins: Natal: compramos o que gostamos ou o que nos deixa...: A cada dia, tem vindo a surgir uma aposta crescente em modelos sofisticados de CRM por parte de grandes empresas: este é um sistema integra...

Gonçalo Sobral Martins: Natal: compramos o que gostamos ou o que nos deixa...

Gonçalo Sobral Martins: Natal: compramos o que gostamos ou o que nos deixa...: A cada dia, tem vindo a surgir uma aposta crescente em modelos sofisticados de CRM por parte de grandes empresas: este é um sistema integra...